Independentemente de seu ramo de atuação ou porte, toda empresa precisa lidar com contratos e questões jurídicas. Então, possuir uma boa assessoria jurídica ajuda qualquer organização a se manter organizada e a evitar problemas decorrentes de não cumprimento de normas trabalhistas, por exemplo.

Assessoria jurídica para empresas

A assessoria jurídica é um dos investimentos mais necessários e seguros para que empresas não sofram posteriormente com confrontos judiciais ou outros transtornos evitáveis. O trabalho de assessoria pode solucionar questões jurídicas em andamento e atuar na prevenção, elucidando dúvidas, fiscalizando e evitando eventuais problemas com a Justiça.

Por que recorrer à assessoria jurídica?


Dado que o Brasil é um país ainda muito burocrático, muitas pessoas caem no engano de que é possível empreender com um pequeno negócio sem o auxílio da assessoria jurídica. Todavia, não são apenas as grandes empresas que podem enfrentar problemas judiciais em decorrência da falta de cumprimento de normas.

Veja a seguir a lista dos principais motivos que devem te levar, pequeno, médio ou grande empreendedor, a buscar a ajuda de assessoria jurídica:

1 - Fiscalização


Em primeiro lugar, para que sua empresa não encontre empecilhos judiciais, é preciso estar em dia com todas as exigências legais. Para tanto, consultar seu assessor sobre todos os aparatos legais é uma medida indispensável.

A assessoria jurídica será responsável por fiscalizar e elucidar todas as dúvidas referentes a:

  • Direitos do consumidor;
  • Leis trabalhistas e previdenciárias;
  • Cobranças de impostos;
  • Regimes de contratação;
  • Leis sobre direitos do estagiário;
  • Direito fiscal.

2 - Detalhes da parte burocrática


É importante frisar que a assessoria jurídica é uma saída para empreendedores que encontram dificuldades em lidar com a imensidão de necessidades burocráticas que as leis brasileiras exigem.

A segurança jurídica pode ser respaldada na empresa desta forma. Assim, os gestores empresariais têm maior tranquilidade em elaborarem contratos ou realizarem notificações, requerimentos e documentos em geral.

Um advogado especializado, ao invés de fazer uma documentação padronizada, saberá como escrever modelos individuais e que sejam específicos para cada situação. De tal modo, a empresa conseguirá atender melhor a proposta do documento.

3 - Defesa da empresa


Não é incomum que empresas sofram com problemas jurídicos externos, como processos variados. Seja um processo por parte de um ex-funcionário, ou pela denúncia de algum consumidor, ou até mesmo problemas com órgãos públicos, fato é que ter uma assessoria jurídica é uma precaução muito importante.

A defesa da empresa é assumida pelos advogados consultores, tanto para a entrada de ações contra a organização, quanto para a defesa em casos em que a instituição foi processada. Esse trabalho de prevenção é feito para evitar problemas judiciais, mas se isso vier a acontecer, ter um advogado capacitado e de confiança do seu lado é a melhor ideia para vencer o processo.

4 - Economia de despesas


Não são somente os cuidados com a legislação que podem ser vistos como benefícios para empresas que recorrem à assessoria. Esse serviço também pode ajudar a diminuir despesas da instituição e contribuir para o crescimento da sua firma, através de propostas e de soluções estratégicas.

Como a assessoria jurídica pode ajudar a empresa a evitar processos, sobra tempo, dinheiro e energia para se investir em ideias estratégicas para o desenvolvimento do negócio. Portanto, não deixe de investir nesta solução tão necessária e capaz de proteger a sua organização em muitos aspectos.
Postagem Anterior Próxima Postagem